Um jeito inteligente e arrojado de valorizar a cultura capixaba



Mirian Tatiyama Miyamoto, um espaço dedicado à cultura capixab. Detalhe um sofá de canoa.
Foi com um olhar atento e muita pesquisa que a jovem Arquiteta Mirian Tatiyama Miyamoto homenageou, na mostra Morar Mais Vitória, as pessoas que vêm contribuindo para com a formação da cultura capixaba, como os índios e os pescadores.

Mirian resignificou de forma inteligente e arrojada os objetos que fazem parte dessas culturas, inserindo-os na casa do capixaba de maneira elegante e contemporânea.

Nessa importante mostra de design e decoração, que entende  a valorização da arte e da cultura como aspectos da sustentabilidade, Miyamoto ficou responsável pela varanda intima e pela escada externa.

A cultura da terra foi a sua fonte de inspiração para compor objetos customizados que fizessem os visitantes interagirem com o ambiente. O sincretismo religioso, próprio da cultura capixaba, levou a jovem criativa a transformar a canoa em sofá, a cabine telefônica em balanço, e a tarrafa, em objeto decorativo iluminado. Sempre atenta a estética e a funcionalidade.

A escada externa ao ambiente ligava-se de forma contínua à varanda íntima, mantendo as mesmas características de valorização da cultura do Espírito Santo. O som ambiente foi outro elemento destacado, e as músicas tocadas foram as das bandas de congo, ritmo animado típico capixaba.  A cobertura do patamar em madeira com esteira de palha foi iluminada por refletores, de forma que a luz penetrasse por entre o trançado da palha, criando um efeito diferenciado à noite.

Os objetos da estante também remetiam á cultura capixaba: uma estátua de Iemanjá, panelas de barro e uma casaca; elementos que foram conjugados com um jardim suspenso vertical, formado por plantas fixadas em ripas de madeira de demolição.

Buscando enfatizar a importância da arte na vida das pessoas, Mirian destacou o ambiente com uma obra de arte especialmente executada para o espaço. Para a escolha da obra mais adequada ao espaço, a arquiteta contou com a consultoria de arte de Dayse Resende.

Painel Ícones capixabas, disponível no  Escritório de Arte Dayse Resende
Dayse selecionou várias imagens de Igrejas, espaços culturais, belezas naturais, e de personagens do cenário capixaba para compor um painel em grande formato para a área externa de sua varanda. Esse painel, com aproximadamente 3 por 3 metros, é composto por imagens trabalhadas pela artista plástica Gabi King, representada pelo Escritório de Arte Dayse Resende, ele foi executado em tecido, e diretamente aplicado na parede externa do ambiente, anexo à escada.

Seguindo a pegada sustentável proposta pela mostra decorativa, Mirian buscou aliar à beleza da obra, o valor da durabilidade, para que mesmo passado o período de 45 dias da exposição sujeita às intempéries, a obra pudesse ser retirada sem qualquer dano.

Uma grande sacada deste painel é que ele pode ser reutilizado na casa do cliente, pois, foi aplicado sobre o mesmo uma cola especial que mantém sua integridade.

Perfil:
A arquiteta e urbanista Mirian Miyamoto, que possui mestrado na mesma área de formação, atualmente leciona em cursos de graduação e administra o seu escritório de arquitetura e interiores em Vila Velha -ES.

Vale a pena uma visita e um olhar atento a todos detalhes.

Serviço:
Morar Mais 2014
Rua Amélia da Cunha Ornelas, S/N, Bento Ferreira, esquina com a Rua Francisco Rubim.
15 às 21 horas terça a sesta-feira
Sábado e domingo  13 às 21 horas.

Fica no mesmo local onde ocorreu o evento do ano passado, mas inclui a casa ao lado, por onde será a entrada.





Comente com o Facebook: